31 de jul de 2009

N o v o s E v a n g e l h o s


Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego. ( Rm 1:16)


Evangelho Fast-Food

Fast-food ("comida rápida" em inglês) é o nome genérico dado ao consumo de refeições que podem ser preparadas e servidas em um intervalo pequeno de tempo.
O fast-food virou sinônimo de um estilo de vida estressante que vem sendo criticado desde o final do século XX.
Lamentavelmente muitos pastores e muitas igrejas estão vendendo este tipo de evangelho , um evangelho rápido, fácil e sem compromisso com Deus, preocupam -se apenas consigo mesmo.

Evangelho do Marketing

Marketing é a parte do processo de produção e de troca que está preocupado com o fluxo de bens e serviços do produtor ao consumidor. É popularmente definida como a distribuição e venda de mercadorias. Marketing inclui as atividades de todos aqueles que se dedicam à transferência de mercadorias desde o produtor até ao consumidor.
O conceito contemporâneo de Marketing engloba a construção de um satisfatório relacionamento a longo prazo do tipo ganha-ganha no qual indivíduos e grupos obtêm aquilo que desejam e necessitam. O marketing se originou para atender as necessidades de mercado, mas não está limitado aos bens de consumo. É também amplamente usado para "vender" idéias e programas sociais. Técnicas de marketing são aplicadas em todos os sistemas políticos e em muitos aspectos da vida.
Este tipo de evangelho está tão aflorado em nossos dias que as pessoas não vão ao templo para prestar um verdadeiro culto a Deus , mas sim, para verem verdadeiros showmens, e que de apostolo, pastor e tanta coisa que nem sabemos mais em alguns casos como chamá-los.
Vemos em alguns lideres o desejo intrínseco de sucesso, que fazem qualquer tipo de propaganda para aparecer , e ficam se alto propagando.

Evangelho Realcêntrico
O dinheiro é o meio usado na troca de bens, na forma de moedas ou notas (cedulas), usado na compra de bens, serviços, força de trabalho, divisas estrangeiras ou nas demais transações financeiras, emitido e controlado pelo governo de cada país, que é o único que tem essa atribuição. É também a unidade contabil. Seu uso pode ser implícito ou explícito, livre ou por coerção. Acredita-se que a origem da palavra remete à moeda portuguesa de mesmo nome (o dinheiro).
Ao invês de nosso culto ser cristocêntrico, em alguns lugares , a cruz de Cristo está realmente esquecida jogada em um canto escuro pois esta mensagem não traz fama , dinheiro ou o sucesso; pois a cruz é sinónimo de sujeição, renuncia ou paixão. Como Paulo, declara em Filipenses 2: 1- Portanto, se há algum conforto em Cristo, se alguma consolação de amor, se alguma comunhão no Espírito, se alguns entranháveis afetos e compaixões, 2- Completai o meu gozo, para que sintais o mesmo, tendo o mesmo amor, o mesmo ânimo, sentindo uma mesma coisa.3-Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo.4- Não atente cada um para o que é propriamente seu, mas cada qual também para o que é dos outros.5-De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus,6-Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus,7-Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens;8-E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz.

N’Ele que está acima de todos nós,
Marcos

Um comentário:

Marcello de Oliveira disse...

Shalom!

1. Amado Pr Marcos, parabenizo por este belo texto. Precisamos saber que o evangelho é o poder de Deus para a transformação de vidas.

2. Que o Deus Eterno continue a lhe usar como voz profética e apologética!

Rm 1.16

Nele, Pr Marcello de Oliveira

P.s > Recebeu o livro?

Envie resposta no e-mail - ok