18 de mai de 2011

Homens Notáveis

Não se mede o valor de um homem pelas suas roupas ou pelos bens que possui, o verdadeiro valor do homem é o seu caráter, suas idéias e a nobreza dos seus ideais.

Charles Chaplin

Introdução

Hebraico gibbor, traduzido como poderoso 128 vezes para gigantes; para poderosos homens de guerra; para príncipes, para reis; para Cristo e para Deus.Ela é também traduzida como herói ou sinônimos.

Os valentes que Davi teve: Asael, irmão de Joabe, era um dos trinta; El-Hanã, filho de Dodô, de Belém; Samá, o harodita; Elica, o harodita; Jelez, o paltita; Ira, filho de Iques, o tecoíta; Abiezer, o natotita; Mebunai, o husatita; Zalmom, o aoíta; Maarai, o netofatita; Helebe, filho de Baaná, o netofatita; Itai, filho de Ribai, de Gibeá dos filhos de Benjamim; Benaías, o piratonita; Hidai, das torrentes de Gaás; Abi-Albom, o arbatita; Azmavete, o barumita; Eliabá, o saalbonita; Bene-Jásen; e Jônatas; Samá, o hararita; Aião, filho de Sarar, o hararita; Elifelete, filho de Acasbai, filho do maacatita; Eliã, filho de Aitofel, o gilonita; Hezrai, o carmelita; Paarai, o arbita; Igal, filho de Natã, de Zobá; Bani, o gadita; Zeleque, o amonita; Naarai, o beerotita, o que trazia as armas de Joabe, filho de Zeruia; Ira, o itrita; Garebe, o itrita; Urias, o heteu; trinta e sete ao todo.(2 Samuel 23.24-39)

Davi, o poderoso guerreiro.

Nessa época Davi tinha 56 anos de idade e seus soldados continuavam a considerá-lo como o mais habilidoso guerreiro de todo o Israel. Ele se ofereceu para ir com o exército e liderá-los pessoalmente, mas a idéia foi rejeitada pelos comandantes, que consideravam que ele seria mais útil ajudando-os na cidade de Manaim. Eles sabiam que todo exército de Israel estaria concentrando esforços para matá-lo. Então, eles acharam melhor lutar no campo aberto sem ele. A estratégia de Aitofel era apenas matar Davi (17.2)

A) Benaia

Também Benaia, filho de Joiada, filho de um homem poderoso de Cabzeel, grande em obras; ele feriu a dois heróis de Moabe; e também desceu, e feriu um leão dentro de uma cova, no tempo da neve.

Também feriu ele a um homem egípcio, homem de grande altura, de cinco côvados; e trazia o egípcio uma lança na mão, como o órgão do tecelão; mas Benaia desceu contra ele com uma vara, e arrancou a lança da mão do egípcio, e com ela o matou. (1 Crônicas 11.22,23)

Benaia era o mais honrado do que os 30 outros homens, mas não estava entre os primeiros. No entanto, ele pertence ao grupo do três seguintes (vv 24,25).

Benaia fez muitas coisas, das quais três são alistados aqui (vv.22, 23).

1- Ele matou dois heróis de Moabe

A palavra hebraica traduzida aqui como leão e em 2 Samuel 22.30 é Ariel, que significa leão de Deus. É o nome de Jerusalém em Isaias 29.1-7.

Na Septuaginta, o texto está assim: “Ele feriu os dois filhos de Ariel, o moabita”. Na Peshita: “Ele matou dois homens poderosos de Moabe”. Na Berkeley: “Ele foi aquele que golpeou os dois ariéis de Moabe” (significando leões de Deus, talvez se referindo aos heróis de Moabe). Na Moffatt: “Ele matou dois filhotes de leão em sua toca, depois de ter descido e matado o leão numa cova num dia de neve”.

2- Feriu um leão dentro de uma cova no tempo da neve.

Matou o leão em um tempo que o leão está mais faminto, onde o perigo era eminente, tempo de frio, geada, flocos de neve, onde a sagacidade do animal está aflorada por escassez de alimento. Benaia corajosamente entra na cova talvez para abrigar-se do tempo ruim e também o leão ali estava e a luta seria certa, então o valente não foge do alvo e mata aquele leão.

3- Feriu a um homem egípcio que tinha uma lança na mão.

Foi até o egípcio com uma vara e arrancou a lança do homem da mão do homem, matando-a com ela – um homem alto, de aproximadamente 3,12m, com uma lança do tamanho do cilindro de um tear.

B)Josebe - Bassebete

Estes são os nomes dos poderosos que Davi teve: Josebe-Bassebete, filho de Taquemoni, o principal dos capitães; este era Adino, o eznita, que se opusera a oitocentos, e os feriu de uma vez.(2 Samuel 23.8)

Filho de Taquemoni, ou taquemonita, o nome de uma família à qual pertencia Adino, o chefe dos homens poderosos de Davi (v.8), também chamado de Jasobeão, o hacmonita(1Cr.11.11).

Parece que o homem mais poderoso ou que tinha realizado o maior feito era considerado o chefe entre os poderosos.

Esse foi um grande feito – 800 homens mortos por um único homem em uma batalha. Este feito o tornou chefe de todos os poderosos (v.8), em 1 Crônicas 11.11, lê-se 300; mas também poderia ter sido escrito 800, pois Abisai matou 300 (v.18) , e ele não tão grande quanto esse homem

C) Eleazar

E depois dele Eleazar, filho de Dodó, filho de Aoí, entre os três valentes que estavam com Davi quando provocaram os filisteus que ali se ajuntaram à peleja, e quando se retiraram os homens de Israel.

Este se levantou, e feriu os filisteus, até lhe cansar a mão e ficar a mão pegada à espada; e naquele dia o Senhor efetuou um grande livramento; e o povo voltou junto dele, somente a tomar o despojo. (2 Samuel 23.9,10)

Filho de Aoí, ou aoíta – o nome de uma família de homens poderosos, quatros dos quais vieram para estar com Davi.

Este foi um grande feito – um homem com seu líder no meio de um exército, tendo seus companheiros fugido, lutando e matando tantos que sua mão grudou na espada. Os companheiros retornaram apenas para tomar os despojos

D) Samá

E depois dele Samá, filho de Agé, o hararita, quando os filisteus se ajuntaram numa multidão, onde havia um pedaço de terra cheio de lentilhas, e o povo fugira de diante dos filisteus.

Este, pois, se pôs no meio daquele pedaço de terra, e o defendeu, e feriu os filisteus; e o Senhor efetuou um grande livramento. (2 Samuel 23.11,12)

Há cinco pessoas com o nome de Sama/Samá nas escrituras.

Haratita montanhês, habitante da terra montanhosa de Judá.2 Haratitas – Samá e Aião.

Foi protagonista de uma grande realização – Sma lutou sozinho no campo de batalha depois que todo de Israel fugiu, e Deus lhe deu grande vitória.

Há um grande feito desses homens registrados nas paginas sagrada. Os três passaram pelo exército inteiro filisteu para conseguir água para Davi em Belém. Depois que eles arriscaram a vida dessa forma. Davi não bebeu dela, mas a derramou perante o Senhor como oferta de bebida (vv13-17)

E) Jabez

E foi Jabez mais ilustre do que seus irmãos; e sua mãe deu-lhe o nome de Jabez, dizendo: Porquanto com dores o dei à luz.

Porque Jabez invocou o Deus de Israel, dizendo: Se me abençoares muitíssimo, e meus termos ampliares, e a tua mão for comigo, e fizeres que do mal não seja afligido! E Deus lhe concedeu o que lhe tinha pedido.(1 Crônicas 4.9,10)

Jabez, que gera sofrimento. Um homem de Judá apresentado aqui como um homem sem ligações familiares e mais honrado do que seus irmãos. Ele recebeu o nome de Jabez porque sua mãe lhe à luz em sofrimento. O que se destaca a respeito dele é que clamou a Deus e foi ouvido por Ele (vv.9, 10).Por que o autor ou por que Deus quis essa pequena nota animadora aqui em meio a todos esses nomes, não sabemos. Talvez a cidade de Jabez, em Judá, tenha recebido esse nome por causa dele (1 Cr.2.55)

Os 5 pedidos de Jabez

· Abençoa-me muitíssimo

· Amplia os meus termos

· Seja a tua mão comigo

· Guarda-me do mal

· Guarda-me da aflição

Esses 5 pedidos são os mais genéricos que o Senhor ouve provenientes do homem comum.

Deus ouviu Jabez e temos o direito de acreditar que também ouvirá todos os outros que oram de igual maneira com sinceridade de coração, visto que Deus não faz acepção de pessoas.

Porque, para com Deus, não acepção de pessoas (Romanos 2.11).

Calvário, a maior expressão do amor de Deus


Marcos Serafim Silva


Obras consultas : A Bíblia de Estudo Dake

5 de mai de 2011

O amigo


O amigo

Composição : Sérgio Lopes

O amigo que eu encontrei me surpreendeu
Quando todos me deixaram Ele me acolheu
E sarou minhas feridas, das algemas me livrou
Lhe falei do meu dilema e Ele me escutou

Lhe falei do meu passado e me perdoou
Isso teve um alto preço que Ele já pagou
Me mostrou as mãos feridas por amor de muitas vidas
E uma dessas muitas vidas era eu

Quem nesse mundo amor tão grande pode ter
De entregar a própria vida sem temer?
Quem já sentiu a dor de ser cravado em uma cruz
Pagando pelos erros que não cometeu?

E olhar nos olhos de quem tanto mal lhe fez
E sem ressentimento oferecer perdão
Quem pode ser melhor amigo que O Senhor
Que pelo servo a própria vida renunciou?
Quem pode ser melhor amigo que O Senhor
Que pelo servo a própria vida renunciou?



N'Ele, que demonstrou no Calvário a maior expressão do amor de Deus,


Marcos Serafim Silva

2 de mai de 2011

Cansei-me

Cansei-me

Converte-nos a ti, Senhor, e seremos convertidos; renova os nossos dias como dantes (Lam 5.21).

Cansei-me da hipocrisia que permeia o coração dos homens, principalmente alguns que dizem ser homens de Deus.

Cansei-me da religiosidade e mediocridade que permeia o meio evangélico.

Cansei-me de uma liderança que está cheia de homens gananciosos, cujos corações estão corrompidos com o deus Mamom.

Cansei-me de ouvir gente cheia de malignidade, nos púlpitos da igreja apregoando aquilo que não vivem.

Cansei-me de ver gente bajuladora que para conseguir manterem-se nos cargos e posições que ocupam se submetem a coisas esdrúxulas.

Cansei-me de ver gente mentirosa ocupando os púlpitos e dizendo que milagres foram operados, quando os quais nunca aconteceram.

Cansei-me de ver a politicagem que cerca a minha denominação a Assembléia de Deus – Ministério do Belém.

Cansei-me ao extremo de ver gente se julgando mais santo só porque ocupa cargos dentro da convenção que faço parte – a CGADB.

Cansei-me ouvir os legalistas pregando somente para fazer média com a burguesia evangélica.

Cansei-me daqueles que saúdam os demais por simples aparência e conveniência, principalmente em época de eleição.

Cansei-me de ver pastor se envolverem com a sujeira da política em nome de Deus, e principalmente largar o bem mais precioso de Deus na terra – a sua igreja para se misturarem com a politicagem.

Cansei de guerras eclesiásticas do tipo que estão fazendo com o Centenário das Assembléias de Deus no Brasil, pura mediocridade, quando éramos para estar unidos e sólidos.

Cansei-me de presenciar homens fazendo guerra para deter o poder em suas mãos, e o negocio deve ser muito bom, porque não querem lagar de jeito nenhum.

Cansei-me das investidas financeiras em nome da filantropia que mais parece indulgências cobradas no século III

Cansei-me de ver gente se gabando por ser amigo do amigo de gente que se diz importante, e de homens reles mortais querendo e ostentando glória para si.

Cansei-me do narcisismo evangélico, alguns se acham a ultima bolacha do pacote, inclusive alguns escritores para a Casa Publicadora das Assembléia de Deus – denominação a que pertenço desde que nasci e fui apresentado ao Senhor.

Cansei-me de ouvir só gente falando aquilo que querem que fale, pois se falar ao contrario é banido para sempre do púlpito, como já vi e presenciei acontecer com alguns bons pregadores que por falarem a verdade e já que dói, serem banidos do chamado reino monárquico ou dinastia.

Cansei-me por fim de tudo que toma a gloria do Deus – Todo Poderoso, para qualquer que seja o homem, seja o presidente da igreja, ou convenção ou qualquer coisa que chamem de igreja.

Calvário, a maior expressão do amor de Deus,

Marcos Serafim Silva