10 de fev de 2010

Hipócritas do Reino

No evangelho segundo escreveu Mateus no capitulo 23, Jesus fala a multidão e também aos seus discípulos, a respeito de uma classe religiosa muito importante em Israel na sua época, os Fariseus, os Fariseus cujo nome significa “separados” declaravam-se verdadeira comunidade de Israel, santos, e Flávius Josefus descreve-os como uma seita filosófica.
Neste capitulo Jesus chama-os de hipócritas, devido a sua oposição ferrenha ao Cristianismo rendendo-lhes através do tempo uma figura de fanáticos e hipócritas que manipulam leis para seu interesse. Esse comportamento deu origem à ofensa fariseu, nome comumente dado às pessoas dentro e fora do Cristianismo, que são julgados como religiosos aparentes.
A definição da palavra hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes, ideias e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando a representação de um ator, atuação, fingimento (no sentido artístico). Essa palavra passou, mais tarde, a designar moralmente pessoas que representam, que fingem comportamentos.
Embora os tempos tenham mudado e já não estamos mais na época de Cristo, as coisas continuam as mesmas , os mesmos problemas farisaicos , mas bem imbutido numa roupagem nova , mas as praticas são as mesmas. Como a palavra diz, os atores , que usam os pulpitos de muitas igrejas como palco para fazerem seus shows particulares , artistas de pulpito, que chegam a atuar bem, digo, atuar muito bem.
Seus discursos são bem articulados , boa homilia , com bastante pratica , um verdadeiro show a parte , levando suas plateias ao delirio , pois sabem como fazer , e infelizmente hoje as mensagens já não são autenticas, são na realidade cheias de palavras emotivas , auto-ajuda e o pior que dizem ser espirituais , e o mais cruel de tudo isso e que os atores (hipocritas) dizem ter orado antes para tal.
Creio que todos nós já ouvimos, é em algum momento da vida ministerial pregou , sobre o discurso paulino sobre o amor, na primeira de Paulo aos corintios , o discurso é belo se não fosse carregado de hipocrisia por parte, não digo maioria, pois há uns poucos que ainda fala o que realmente vive, o desgastante neste discurso é que está carregado de hipocrisia , lá nos bastidores, vivem uma vida totalmente diferenciada daquilo que ele fala.Discurso como se fala , somente para ingles ver, ou seja, somente para os proselitos , pois para a chamada elite evangelica, viver o amor na sua essencia é algo impraticável , ensinar e muito fácil, viver o que se ensina é que é dicifil.
Pois quando Paulo sobre o amor , não fala de condiçoes para amar , pois como ele mesmo diz o amor tudo suporta , tudo sofre , tudo crê, é o amor de Jesus , que a mulher pega em ato de adulterio ele diz vai em paz e não peques mais.É o amor incondional , amor mesmo sem fingimento, perdão, perdão mesmo sem hipocrisia, sem armação para se dar bem.
Eles são acusados de colocarem sobre o povo pesados fardos e difíceis de suportar (Mt 23,4). A proposta de Jesus, no próprio livro de Mateus, se opõe diametralmente a esta: "Vinde a mim, todos vós os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo e leve." (Mt. 11,28-30).
O que ocorre hoje não difere muito da época de Cristo, o jugo é pesado, mas somente para os menos abastados, menos favorecidos, e constantemente ouvimos discursos sobre santidade, moralidade ministerial, fidelidade ministerial, mas será que por detrás da cortina, lá nas caladas, existe mesmo esta fidelidade ministerial, todo esse amor demonstrado na presença , que por vezes chega até ser ofensivo, ver alguém bajulando outro por conveniência, por que senão perde a vez, salário e tudo mais.Deus me livre de gente assim , pois , sabem como ninguém fingir, hipocrisia mesmo.O cientista cognitivo Keith Stanivich fez uma carreira do estudo da hipocrisia. Ele a vê como surgindo da incompatibilidade de tais coisas como o interesse próprio e os desejos com crenças de ordem mais alta na moralidade e na virtude. As únicas pessoas que não são hipócritas são a minúscula e talvez não-existente minoria que é tão santa que nunca se entregam a seus instintos mais básicos e o grupo maior que nunca tenta viver segundo os princípios da moralidade ou virtude. Ele dessa forma defende que os hipócritas são na verdade a classe mais nobre das pessoas.
Os fariseus propunham uma religiosidade do comportamento, com padrões pré-estabelecidos pela Torah (ou sua interpretação dela). Era a hermenêutica do Halacha (como deve se andar). Esta hermenêutica pressupõe que "tudo que estava escrito nos tempos passados, fora escrito de forma que seria válido para os novos tempos" (Koster, History, Culture and Religios of Hellenistic Age, p. 242). A hermenêutica de Jesus, apresentada no Sermão do Monte, se coloca como antítese desta proposta: "Ouvistes o que foi dito..., eu, porém, vos digo..."
Nestes dias hodiernos, muitos se intitulam os melhores, seus escritos, seus livros, suas falas, suas mensagens, seu comportamento, tudo nele é melhor. Questiona a todos porem quando questionado, se sentem ameaçados. Infelizmente hoje,os fariseus atuais, ocupam como na época de Cristo lugar de destaque,ou seja , no comando.Não tem tempo para atender ninguém pois vive ocupado, com suas viagens , com seus interesses pessoais , e o povo , que necessita de simplesmente um aperto de mão, um abraço, uma palavra de consolo , de animo , não os tem.
O grande problema de hoje , que embora saibamos que existam tais no seio da igreja , não queremos admitir, ou seja, parece que olhos estão vendados, ou por interesse próprio , se sentem ameaçados por causas que já tratei anteriormente.Teríamos muito para escrever neste tem porém este texto ficaria longo demais, quero só destacar algumas coisas que fazem os fariseus modernos do reino:
· Suas igrejas são as melhores
· Seu ministério , de maneira nenhuma pode ser questionado
· Sua família , centro das atenções
· Igrejas, no piloto automático
· Ninguém tem mais chamada, somente os bajuladores
· Falar a verdade é crime inafiançável

Eles , os hipócritas do reino estão por ai , cuidado para que você , não seja um deles.

N’Ele que está acima de todos nós,
Pr. Marcos Serafim Silva

http://www.stbne.org.br/boletim/boletim049.htm
http://pt.wikipedia.org/wiki/Fariseus