7 de mar de 2009

Angelologia I

“Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo-se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão”. (Colossenses 2.18)
“Faz dos seus anjos espíritos, dos seus ministros um fogo abrasador”.(SL. 104.4)
“E outra vez, quando introduz no mundo o primogênito, diz: E todos os anjos de Deus o adorem”.(Hb.1.6)

Com tantas inovações no meio evangélico, como “cair no poder”, “unção do riso”, “unção do leão”, “unção da lagartixa”, “culto aos anjos” e tantos outros modismos, quero pautar-me dentro das Escrituras para um tratado simples sobre angelologia.
Angelologia é a parte da teologia que estuda os anjos e a sua missão, com inerência na Bíblia.
A palavra anjo no hebraico é malak e no grego é angellos que significam a mesma coisa: mensageiro, enviado, em ambas as línguas esta palavra pode ser usada tanto para mensageiros espirituais, como aos humanos, Jerônimo ao traduzir a bíblia para o latim, utilizou-se do termo “nuntio” para nominar os mensageiros meramente humanos, desta forma , na Vulgata Latina, o vocábulo ângelus é usado única e exclusivamente para designar os seres celestiais . O termo anjo aplica-se a todas as ordens dos espíritos criados por Deus(Hb.1.14). Pela sua natureza são chamados filhos de Deus, pelo menos em poesia e pelo seu caráter, são chamados santos. Os anjos são seres espirituais criados especialmente com a mais alta distinção entre todos os seres vivos criados por Deus, exercendo atividades no mundo espiritual, mas não independentes nessas atividades, pois a fazem dentro dos limites a que foram criados.
Sua manifestação é incorpórea; eles são seres espirituais e morais porque acima de tudo, são pessoas.Ao longo das Escrituras encontramos aparições angelicais tais como: na criação, no nascimento de Jesus; quando foram servir ao Senhor Jesus no deserto da tentação; na ressurreição; e na ascensão de Cristo.
Os anjos executam a vontade de Deus, sua vontade precípua é servir aos interesses de Deus, obedecendo-lhe em toda a sua vontade soberana. O autor da epistola aos Hebreus destaca os anjos como “espíritos ministradores” indicando que eles exercem a serviços especiais aos interesses do reino Deus e também para identificar o serviço que prestam a Deus em favor dos santos. No Apocalipse são identificados santos, e uma das características das atividades angelicais é o louvor e a adoração, Jesus declarou que sempre estão na presença do Pai e vêem a sua face (Mt18.10).
Os anjos são: criaturas, seres espirituais, seres poderosos, seres pessoais, seres imortais. Quanto a sua habitação a bíblia declara que os anjos de Deus são organizados em milícias espirituais que povoam os céus e são distribuídos em distintas ordens e graus (Lc. 2.13; Mt. 26.53), trata-se, portanto de uma habitação numa dimensão celestial.
A Bíblia dá a entender que os anjos se acham de forma organizadas hierarquicamente e se da a graduação pelo tipo de atividade que os anjos exercem em todo o Universo e na presença de Deus. A palavra Hierarquia, do grego “hierakhia” significa escala de poderes e atividades, sistema de governo eclesiástico, cuja tônica é a distinção de cargos, autoridades e investiduras ao que parece a hierarquia angelical pode estar divida assim:
· Arcanjo – no grego arch sugere tratar-se de um chefe , um príncipe , um primeiro ministro , a palavra arcanjo representa a mais elevada posição na hierarquia angelical, embora o livro apócrifo de Enoque declare que existam sete arcanjos : Uriel , Rafael , Raquel , Saracael , Miguel , Gabriel e Remiel, o único nome que aparece nos livros canônicos é Miguel (Jd.9), Esse arcanjo se destaca na bíblia cuidando dos interesses da nação de Israel , sendo destacado como príncipe dos filhos de Israel , porque é o guardião desta nação.
· Querubins – no original hebraico “querub”, tem o sentido de guardar , cobrir , aparecem em toda as escrituras como sendo guardiões , a entrada do Éden , depois de o homem ter sido expulso , na construção da arca para o Tabernáculo feitos em ouro maciço, há freqüentes referencias à habitação de Jeová entre os querubins , e presente na visão do profeta Ezequiel com quatro faces com rosto de boi, de leão , e águia , os escritores bíblicos dizem representar pelo menos simbolicamente como entes animados , com a inteligência do homem , com a força do boi , com a coragem do leão e com movimentos livres com o da águia para dominar o espaço.A ligação dos querubins com o trono de Deus nos ensina, que eles guardam o acesso a presença de Deus.
· Serafins – do original hebraico “sarafh” significando ardente, refulgente ou brilhante, nobres ou afogueados. Esta classe de anjos só aparece uma vez na bíblia no livro do profeta Isaias, e são representados como tendo seis asas e estão ligados intimamente ao louvor e adoração o Senhor.
“Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir.” ( Rm. 8.38 ). “Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele”.(Col. 1.16).
Nestes dois textos do apostolo Paulo não quis dogmatizar a ordem angelical segundo o seu entendimento, mais quis tornar mais clara a compreensão sobre varias classes angelicais.
A classificação segundo a ordem do texto acima citado é:
· Tronos – No original grego "thronoi" tem o sentido especial porque se refer a uma classe de anjos ligados diretamente a majestade de Deus , sendo possível os querubins estarem ligados a esse tipo de atividade real pois alguns textos identificam os querubins com seres sobre os quais Deus está assentado e reinando(1 Sm 4.4 , 2Rs.19.14,Sl 80.1; Sl 18.9,10) .
· Domínios – o termo grego “kuriothes” ou “kuriotethoi” (em algumas versões) tem o sentido de soberanias ou denominações. Pode estar ligado a executarem as ordens de Deus sobre as coisas criadas.
· Principados – no grego a palavra principados é “arch” e pode se referir a uma classe de anjos que tem poderes de príncipes, Lúcifer como diz a palavra “Tu eras querubim Ungido para proteger e estava no monte santo antes de sua queda”(Ez. 28.14), supõe-se que governava o planeta na posição de principado , mas não o guardou. Outro que a bíblia de Miguel como “um dos primeiros príncipes” de Deus.
· Potestades – Potestades referem –se a anjos especiais que executam tarefas especiais, não se tratando de seres isolados, mas são assim chamados porque foram investidos de autoridade especial, dada pelo próprio Deus. Isto revela que são anjos poderosos, mas não são onipotentes (atributo somente da pessoa D’us).
Outra classe de anjos que a biblia fala são os anjos maus, caídos e que não guardaram seu estado original e pecaram, falaremos disso em outras edições.
Os anjos seguem em regime de obediência e disciplina ao nosso Deus. São seres ministradores ao comando de Deus em nosso favor, portanto fica claro para todos nós, pois os anjos não recebem nenhum tipo de culto, adoração, cadeiras especiais no centro de púlpitos, orações especiais e não trazem nenhuma normativa de Deus que não esteja na sua Palavra, como visto existem classes especiais de anjos , mas o que pude estudar não vi nenhum anjo do manto, da samambaia, renovo, do retete , e outros que espalham por ai , os anjos tem funções dadas por Deus especificadas por Ele e utiliza-os a hora que bem querer , e ao seu decreto.

Para sua edificação em Cristo Sola Fide Marcos .

Obras consultadas: Dicionário da Bíblia – Jonh D. Davis
Lições Bíblicas – jovens e adultos ano 1997 – 1º Trimestre
A Bíblia de Estudo de Aplicação Pessoal

7 comentários:

PROFETIZANDO A PALAVRA disse...

Paz Pr Marcos,
Muita boa postagem bem esclarecedora e combatendo as distorções sobre este tema que é tão confuso entre alguns cristãos mal esclarecidos. Deus continue abençoando sua vida e ministério.
Um abraço de seu irmão em Cristo.
Uilson Camilo

Pr. Marcos Serafim disse...

Paz Uilson Camilo, Deus abençoe sua vida , nestes tão conturbados que vivemos precisamos estar atentos a tudo.
Seu comentário é de fundamental importância.
Anjos , só ao comando de Deus...

Em Cristo Sola Fide Marcos

Debora Zibordi disse...

A paz do Senhor, Pr. Marcos

É uma honra conhecer mais um blog abençoado e edificante como o seu.

Parabéns pelo texto! Falar sobre anjos que sobem e descem dentro da igreja é um assunto muito pregado por todos. Há crentes que são adoradores de anjos! Senhor, tem misericórdia! Que tais possam ler este texto tão excelente.

Que Deus te abençoe mais e mais e derrame sobre ti o discernimento espiritual e a sabedoria.

Muito obrigada pela visita e comentário em meu blog.

Fique na paz de Cristo.

Pr. Marcos Serafim disse...

Cara irmã Debora Zibordi:
Fico feliz com tais palavras , o que procuro fazer, é pautar - me dentro das escrituras, mas ainda estou longe de escrever como você ....
Seja sempre bem-vinda.

Em Cristo Sola Fide

Pr.Adilson Benevides Sobral disse...

Paz Pastor,
Muito me alegrei ao ler o texto muito bem composto pelo amado...as informações sobre angelologia as vezes causam certa confusão se naum forem bem transmitidas. Com um blog e textos assim os irmãos que incorrem nesses erros naum podem dizer que naum conheciam por isso erraram...a informação está ai povo de Deus, é só absorve-la!
Abraço!

Anônimo disse...

Olá,Paz á todos e que a fé esteja convosco,venho a parabenizar a postagem do nosso irmão marcos que veio a nos acalmar com o conhecimento divino que consiste nas palavras da bíblia.,gostaria de perguntar uma coisa.
Gostaria de saber,se nestas classes de Anjos existem Anjos com mais do que um par de asas,é uma pergunta tola porém uma curiosidade minha.

Desde já agradeço sua compreenção e espero sua resposta.

Ass:Anderson Augusto.

Pr. Marcos Serafim disse...

Nobre Anderson:

Paz do Senhor!

A biblia relata em Isaias 6, uma classe de anjos chamados Serafins que continham seis asas, com duas cobriam seu rosto, com duas cobriam seus pés e com duas voavam.

Leia este post que comento a respeito dos Serafins, e e breve estarei postando uma mensagem só sobre os serafins.

"E debaixo do firmamento estavam as suas asas direitas uma em direção à outra; cada um tinha duas, que lhe cobriam o corpo de um lado; e cada um tinha outras duas asas, que os cobriam do outro lado".

Este Texto de Ezequiel fala do querubins que falam tambem sobre suas asas, leia em Ezequiel o capitulo 1, e você verá a respeito.

Desculpe-me se não fui tão claro.

n'Ele que domina os céus a terra e tudo o que nelesb há,

Marcos