11 de mar de 2009

Artigo Mensageiro da Paz : Homossexualismo

O pastor, escritor, e membro do Conselho Político da CGADB traz um artigo no Mensageiro da Paz de março falando sobre a pratica homossexual.
Segundo artigo, o pastor Geremias,diz que 99% do país considera homossexualismo anormal e 92% reconhece-o como pecado, e nos últimos anos tem havido um intenso bombardeio através da mídia secular para minar os valores morais e tornar a sociedade simpática a pratica homossexual , atribuindo-lhe características de normalidade comum à diversidade humana , não é de fato bem isso que vêm logrando aqueles que fazem desta sua batalha de vida ou morte.Fala ainda das telenovelas que apresentam cenas de “casamento” entre pessoas do mesmo sexo, cuja forma mesmo sendo em ficção traz de forma criminosa arrepio a constituição brasileira, cuja letra afirma que o casamento se dá entre homem e mulher.
Segundo dados da Fundação Perseu Abramo, em parceria com a Fundação Rosa Luxemburg reportou no jornal O Globo de 8 de fevereiro, 99% dos brasileiros não assimilam a idéia de considerar normal o homossexualismo.
O pastor Geremias ainda fala que 92% dos brasileiros, por exemplo, acreditam que “Deus fez o homem e a mulher com sexos diferentes para que cumpram o seu papel e tenham filhos”, fala ainda da PL 122(lei do semelhante), que hoje está parado no Senado, e mais dia menos dia, conseguirão a façanha, se nos omitirmos como força social organizada em nosso país.
Deixa em seu artigo deixando duas conclusões, diante da pesquisa feita, que quero reescreva-las na integra:
“ 1) Não obstante a nossa atuação como força social organizada estar muito aquém do que ainda pode ser feito (somos por exemplo, relapsos em nos apresentar nos fóruns adequados para discutirmos temas desta natureza) não podemos desconsiderar a força da mensagem cristã na formação do pensamento brasileiro.Assim, continuemos a pregar a tempo e fora de tempo todo o conselho de Deus.Sem medo de restrição alguma”.
“ 2) Não nos enganemos, achando que as coisas melhorarão ao nosso favor. Isso não acontecerá. O cerco será apertado cada vez mais, inclusive com influência internacional de órgãos da própria ONU. Lembremos-nos que esse foi o propósito da pesquisa: fornecer ferramentas ao governo para assegurar a ditadura da diversidade sexual.
Em Outras palavras, precisamos estar preparados para os novos tempos e agir para que nossa voz seja ouvida nos fóruns que ditam as leis do país”.
Pelo menos não seremos omissos. Omissão também e pecado, finaliza o pastor Geremias.
Quero com humildade fazer também algumas considerações:
1- A bíblia nos diz em Gênesis 1.27 “E criou Deus o homem do pó da terra, à imagem de Deus os criou, homem e mulher os criou”. A bíblia de estudo Aplicação Pessoal para este versículo diz que Deus fez ambos, homem e mulher, a sua imagem. Um não foi feito á imagem de Deus mais do que o outro. Desde o inicio, a Bíblia coloca tanto o homem quanto à mulher no pináculo da criação. O sexo não é exaltado, tampouco depreciado.
2- O apostolo Paulo também trata desta questão em sua epistola aos Romanos 1.26,27 dizendo: “Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.Mas uma vez quero usar a Bíblia de Estudo Aplicação Pessoal que diz : A homossexualidade (atração e pratica com pessoas do mesmo sexo) era tão difundida nos dias de Paulo quanto é atualmente. Muita spraticas pagãs serviam para encoraja-la, embora hoje seja considerável por muitos aceitável , até por algumas igrejas , a homossexualidade e totalmente proibida nas Escrituras (Lv 18.22). Não cabe a sociedade estabelecer padrões da lei de Deus.Os homossexuais acreditam que seus desejos são normais e que têm o direito de expressa-los , mas Deus não nos encoraja a realizar todos os nossos desejos(nem mesmos os normais). Os desejos que ofendem suas leis devem ser controlados por e banidos.Aqueles que têm desejos homossexuais podem e devem resistir e tomar providencias contra eles, evitando conscientemente lugares ou atividades que possam incitar às tentações. Não se deve subestimar o poder que Satanás tem para tentar as pessoas ou a possibilidade de as praticas homossexuais acarretarem sérios danos àqueles que continuarem a ceder a elas. È necessário ter em mente que Deus pode e perdoará os pecados sexuais, da mesma maneira que perdoa os demais.
Aqueles que têm problemas com homossexualismo e perversões devem entregar-se a Deus , pedir que Ele mostre o caminho distante do pecado e que os conduza à luz da liberdade e do amor cristão. A oração , o estudo da Bíblia e o apoio carinhoso dos cristãos de uma igreja ,,poderão ajudar as pessoas a alcançarem a força necessária para resistir a essas poderosas tentações. Aqueles que já estiverem profundamente envolvidos e um comportamento homossexual devem procurar um conselheiro cristão confiável e profissional.Deus está disposto a receber qualquer pessoa que se arrependa de seus pecados e o busque pela fé; e os cristãos devem amar a todos a despeito de seu passado.
O que fica claro é que Deus ama o homossexual, porém é contrário a pratica do homossexualismo.
Parabéns pastor Geremias por abordar um assunto desta magnitude.
Em Cristo Sola Fide Marcos
Obras consultadas : Jornal Mensageiro da Paz , ano 79, nº 1.486 - Março 2009
Biblia de Estudo Aplicação Pessoal

4 comentários:

Pr:Gesanias de Oliveira disse...

Isso e a maior vergunha. Nos ultimos anos tem se alastrado a homissexualidade no mundo,e todo mundo achando que e normal...

Anônimo disse...

Sou gay e li a pesquisa citada. Ao contrário do que o pesquisador responsável pela pesquisa diz é que deve ter POLÍTICAS PÙBLICAS para assegurar a integridade e os diretiros de CIDADANIA dos LGBT (Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transgêneros).

O que me INCOMODA nas igrejas é esse CONSTANTE ataque a nós gays. Falo por mim. Acredito em DEUS e ele não me é tão CRUÉU como religiosos fanáticos que querem ser DEUS. Se ele disse isso mesmo, deixe que ELE "castigue-nos" - se for o caso. No entanto, só quando MORREMOS e chegarmos ao céu e eles nos barrar e nos enviar para o inferno.

Porém não nos infernizem a vida. Não veem que este tipo de postura de vocês pastores, bispos, papa (alguns padres) só insultam o ÓDIO a nós? Ou seja, à HOMOFOBIA.

Não me intrometo nas questões de IGREJA EVANgÉLICA nenhuma. TENHO O DIREITO de ser tratato da mesma forma. Cada um na sua e cada um com seu DEUS. E essa IGREJA PROTESTANTE, que veio da IGREJA CATÓLICA não sabe protestar nada. Ambas trazem no gene histórias de crueldade e assassinatos. Leia-se a Idade Média.

Uma igreja que dizia que NEGRO não tinha alma, que queimava gente na fogayra em nome de DEUS, me perdoe, mas isso sim é ser coisa do DIABO> E nunca vi alguém falar tanto em diabo do que vcs evangélicos. Mais uma vez peço. Faça esse discurso do tipo: NÂO ACEITAMOS GAYS NA NOSSA IGREJA. Ótimo, quem achar melhor ser evangélico que não seja gay.

Mas vivemos num PAÌS LAICO. Nossos direitos devem ser geridos pela CONSTITUIÇÂO, não pela BÌBLIA. Não nos punam como se DEUS fosse punior. Vocês não O são, nem NUNCA serão. DEUS É AMOR. Não é esse ódio que vcs pregam. Como disse, repito, NÂO NOS JULGUEM EM NOME DELE. Se ele tiver que fazê-lo, como vcs prometem o reino dos céus (só depois da morte), a gente só quer fazer uma coisa: VIVER e ser FELIZ, pois a vida é uma só. Diga que não até me provar o contrário.

Amém!!!
Ass: O GAY DO BEM, filho de DEUS, mas cidadão como qualquer outro!

Jonathan Lira disse...

Fo-gay-ra é fogueira pra gay.
Não seguir a sexualidade que Deus deu a cada um é algo esdrúxulo. se querem ser gays ótimo mas por favor não contaminem a casa de Deus, espere que ele faça uma obra.
Caso realmente queiram se libertar fiquem na igreja mas sem mostrar ou seder ao pecado do homossexualismo

Anônimo disse...

DEUS é sábio no que fez e faz. Se existem homem e mulher heterossexuais, ele criou também o homem e a mulher homossexuais.

A medicina, que perseguia os homossexuais assim como a Igreja, já constatou há anos que não é doença. Logo, homossexualidade não se CONTAMINA. Saiba que desde 1993 a OMS (Organização Mundial da Saúde) riscou o "HOMOSSEXULALISMO" da sua lista de doença. Logo, não se usa esta palavra, pois ela advém do termo doença. Então, ficam os opostsos HETEROSSEXUALIDADE e HOMOSSEXUALIDADE.

Deus criou um corpo biológico feminino e masculino. Os tipos de homem e mulher são meras "construções sociais de gênero", de acordo com cada cultura. Mas a sexualidade é outra coisa. E se SEXO fosse só para PROCRIAÇÃO, todo homem e mulher que diz isso, deveriam parar de TRANSAR depois de ter o número desejado de filhos. No entanto, evangélicos e evangélicas aceitaram o uso da PÍLULA ou da ligadura de trompas e, até, vasectomia. Logo isso mostra que a sexualidade não é APENAS para reprodução.

Há uma multiplicidade de uma coisa cahama "desejo", que é muito mais diversa e complexa, mas não pecado. Ou será que Deus, que criou o desejo homossexual~, foi tão cruéu? Concondo com você Jonathan Lira "Não seguir a sexualidade que Deus deu a cada um é algo esdrúxulo". Então, deixem os gays seguirem o que a natureza lhe deu, pois não escolhemos nascer assim.

Ass: O GAY DO BEM, filho de DEUS, mas cidadão como qualquer outro!